Quinta-feira, 14 de Fevereiro de 2008
Amor Diferente
De repente,
Deu-me uma enorme vontade
De falar contigo,
Como se as palavras
Desejassem ser ouvidas,
Aclamadas pelo passado…
Marcado…
 
Tudo era Puro
Sentido e Verdadeiro.
Afinal foi o primeiro…
 
A saudade de recordar,
Um dia…
Um dia de projectos,
De certezas
De esperanças
São tantas as lembranças!
 
Um dia em que o futuro
Estava a um passo do “Sim”.
Gostava de me sentir assim…
De novo, por um dia que fosse.
 
Ser só coração,
Ser a razão e a força
Ser a mulher de glória
Ser família viva.
Ver Alegria.
 
Gostava de me sentir
Insubstituível
De todas as formas, todas…
Sentir que nunca tocarias
Em mais ninguém.
Ser tudo para alguém.
 
Talvez assim,
Eu voltasse a ser quem fui…
Fui e já não sou…
São as feridas
Feridas que o tempo marcou…
Marcou.
publicado por My Way às 10:54
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 13 de Fevereiro de 2008
Uma Forma de Amar
Um dia a nossa mente culminará
A minha alma exaltará
Numa união vasta e perfeita.
Jamais imaginarás partir
Nunca vais desistir,
Da nossa forma de viver.
 
Uma forma inalcançável
Aos comuns mortais,
Que não vivem…
Sobrevivem.
 
A esses comuns mortais
Que não aceitam as fraquezas
Que se fecham
Num mundo de preconceito…
Assim não aceito!
 
A verdade da ignorância,
Que vos causa sofrimento
E algum arrependimento.
 
Vivei amando apenas um.
Que o vosso coração
(e apenas o coração)
Não pertença a mais nenhum…
 
O resto do corpo
É inútil aos olhos do teu amado
Teu eterno apaixonado.
 
OS demais,
Jamais chegarão ao teu coração.
Repleto de amor
Incontornável, Insaciável…
 
Serás sempre a minha Certeza
A minha Verdade
A minha Ternura
O meu Aconchego
O meu carinho
Sobretudo amigo
És incrível!
Mas acima de tudo,
Insubstituível.
 
Eu serei apenas
O que sempre fui para ti…
Pura e Verdadeira
Como quando nasci!
 
publicado por My Way às 11:05
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 12 de Fevereiro de 2008
Num Inferno, Perto do Céu
Impulso irreal presente em mente
Pede que cesse o desejo,
Ardente,
De consumir, de possuir
Transcendentemente, o inútil.
Vénus apelou
Com certezas dissipou
O arco que nos une
E reforçou…
Com a chama do Inferno
Inferno que trará,
Almas insaciáveis
Chamas inesperadas
Quase que encantadas.
Cega-nos com o que é material
Corta-nos as mãos
Rouba-nos o som
E queima-nos o coração.
No fim,
Já sem te conseguir ver,
Sem te conseguir tocar
Sem te conseguir ouvir
Por fim,
Já sem te conseguir sentir,
Cá dentro…Penso:
- Não mereço viver assim.
Apareces como brisa
Vinda do além.
Devolves-me tudo o que perdi.
Tudo o que me roubaram, e no fim...
Sorris, e sussurras-me ao ouvido:
- “Só não te dou o coração,
Porque esse é meu!
Estarás sempre presa a mim
Juntos, Perto do Céu.”
publicado por My Way às 14:51
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31
.posts recentes

. Adeus blog... Olá amigos.

. Obrigado por me magoares....

. Infeliz

. Amor Diferente

. Uma Forma de Amar

. Num Inferno, Perto do Céu

. Desejo Carnal

. Estou contigo, sempre con...

. Calmante

. Reforça a palavra "Amar"

. Momento Vigoroso

. Peço-te Desculpa

. Nova Imagem de "I smile b...

. No fim de uma noite.

. Lista para seres perfeito...

. Fazes parte de mim.

. Pedaço de mim que fica, p...

. 1º Beijo

. Mensagens Unidas...

. Obrigado

. O porquê da Loucura e o A...

. Aqui está o verdadeiro e ...

. Momento guardado para sem...

. Ele sente o mesmo...

. TU

. Certezas

. Perto do Natal!!!

. Mais um dia... e mais sau...

. No mínimo embaraçoso!

. Um dia depois da "separaç...

.arquivos

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

.links
blogs SAPO
.subscrever feeds